.

. diz que o touro vai na direção do pano, não porque é vermelho . dizem que touro vê tudo em preto e branco . é o movimento do pano que faz o touro ir em direção ao toureiro . e dizem que o toureiro sempre sente medo do touro . porque touro pode vir numa direção e sem avisar mudar o rumo de onde vai meter o chifre . o chifre do touro é forte . além de ataque é também defesa . touro é forte . e dizem que ele olha pro pano vermelho pra não olhar pros olhos do toureiro . touro não pode olhar pros olhos . se não, vem direto bem no meio da barriga de quem olha . touro brabo . touro doido . touro manso . touro quente . touro de terra . com pés firmes no vento . tem que ter pé firme pra ter força de quebrar toureiro ao meio . tem que ter pé firme . mesmo que não tenha pé no chão . pra ir atrás de movimento . Manu é touro… . meu touro doido . porque Manu é terra em fogo . ela queima . deixa em brasa . e ela vai correndo solta atrás de movimento . porque ela é fogo em ar . se alimenta do mundo com fome de touro faminto . sedenta por movimento . ela corre olhando no fundo dos olhos indo em direção à você . e quando você vê ela já te partiu ao meio com a doçura de um touro cheio de ternura . cheio de sonhos . cheio de doçura . Manu é do tipo de touro que não te quebra ao meio com chifres . ela te quebra ao meio com os olhos . com o toque certeiro das mãos acarinhando o cabelo . te quebra ao meio com as cores abstratas que ela tem dentro dos olhos . manu é do tipo que chora com o silêncio . com a palavra macia de carinho . com o abraço apertado vindo na hora certa . Manu é do tipo que pinta e se pinta toda ao pintar . é esse movimento de não ter limite entre o que começa e o que termina em si mesmo . é ar em água transparente . do tipo que não perde tempo mentindo com palavra alguma . se o movimento não for certeiro ela nem perde tempo olhando pro pano . ela olha é pro fundo dos olhos e segue pra entrar pela pupila . touro de expandir o corpo . touro de deitar na densa imensidão de si mesma . densa . não pesada . a palavra é densa . muitas palavras . muita coisa pra tirar de dentro . muito movimento pra querer seguir . Manu é do tipo que dá peso ao mundo . e é lindo quando ela corre pelo mundo feito touro livre . touro com asas de ar em direção à água . água pra boiar leve em sua densa leveza . Manu é assim . vem e entra pelos olhos . vem e te quebra ao meio em meio a tudo que é abstrato . é muito mundo pra correr . é muito movimento pra querer seguir . é muito fogo pra queimar . é muito ar é muito ar é muito ar .

.

 

(Aracaju/ SE/ Brasil/ 2008)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s